quarta-feira, 16 de maio de 2018

[Resenha] Amadeus, de Milos Forman


O corte do diretor de “Amadeus” é um filme gigantesco, ultrapassando as três horas de duração; algo que, atualmente, torna muito difícil sua apreciação. E não é só por não termos tempo, mas também porque computadores e celulares estão sempre manipulando nossos cérebros primatas com seus LEDs piscantes e notificações sonoras. Por conta disso, tenho esse filme em minha lista já a algum tempo mas hesitei em assisti-lo justamente pelo tempo que teria de investir nele (lembra quando você maratonava cada volta e meia a versão estendida de “Senhor dos Anéis”? The good ol’ days...). Infelizmente foi um evento trágico que me motivou a sair dessa inércia: o recente falecimento do diretor Milos Forman, responsável por outras grandes obras como “Um Estranho no Ninho”, “O Mundo de Andy” e “O Povo Contra Larry Flint”, além, é claro, do próprio “Amadeus”. Portanto, decidi dar o respeito a esse grande realizador e encarar o que, para diversos críticos, é seu magnum opus.

sexta-feira, 11 de maio de 2018

[Resenha] Interferências


“Interferências” é um livro da autora de ficção científica Connie Willis, que mistura ficção científica e romance. Sim, você leu certo. Eu li um livro de romance e gostei *PAM PAM PAAAM!

terça-feira, 8 de maio de 2018

[Resenha] O Livro e a Espada #1

“Chega um dia em nossa vida, o cruzamento daquilo que fomos com aquilo que somos e aquilo que seremos. Nesse momento, ao término de tudo, é que decidimos qual será nosso fim. Com orgulho ou vergonha da trajetória percorrida.” (Página 9) 

sexta-feira, 4 de maio de 2018

[Diário de Leitura] Lovecraft - Medo Clássico (Parte III)


Olá, você que acompanhou essa saga, que foi o meu primeiro contato com Lovecraft! É com enorme emoção - e sensação de vitória - que chegamos ao fim do meu diário de leitura de Lovecraft - Medo Clássico! Espero que vocês tenham aproveitado essa viagem aos confins do desespero e pesadelo tanto quanto eu - afinal, o que nóis gosta mesmo é de se desgraçar!

quarta-feira, 25 de abril de 2018

[Resenha] Lendas da DC #2: Batman - Criaturas da Noite

“Aquelas eram as ruas que seus pais haviam lutado a vida toda para melhorar. As mesmas ruas onde o sangue deles fora derramado. [...] Ele encontraria uma forma de recuperá-la. Era esse o manto que ele havia herdado.” (Página 25)

sexta-feira, 20 de abril de 2018

[Resenha] Uma Dobra no Tempo (Graphic Novel)


“Uma Dobra no Tempo” foi originalmente publicado em formato de romance em 1962 por Medeleine L’Engle, inédito no Brasil até sua recente publicação em 2017 pela editora Harper Collins. Com o recente anúncio de uma adaptação cinematográfica da obra de L’Engle por ninguém mais, ninguém menos que os Estúdios Disney e dirigido por Ava DuVernay, muitas pessoas passaram a conhecer as obras de L’Engle, que faleceu em 2007 e deixou para as futuras gerações mais de 60 obras.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

[Resenha] HEX

“[...] Isto é o quanto basta para as pessoas mergulharem na insanidade: uma noite a sós consigo mesmas e o que mais temem.” (Página 330)